sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Tirando chapas na Ilha Dourada

No ano passado, aqui este vosso amigo deslocou-se de férias ao Porto Santo, levando a Canon + Bigma na bagagem a fim de dar o gosto ao dedo no aeroporto da ilha. A verdade é que, por motivos que não interessa aqui referir (férias demasiado boas, quiçá...) quase não apanhou nada - quase, porque se não me tivesse levantado no último dia, com uma ressaca do catano e ido à corrida para o aeroporto tendo apanhado, in extremis, um Jetairfly a descolar (ver aqui), a Bigma teria atravessado a Travessa...para nada!
Ora este ano, a história do Porto Santo foi diferente: melhor planeada, com tempo dedicado e com o carro a atravessar, também, a Travessa. Com a ajuda da malta local - e deixo aqui e já um enorme abraço de agradecimento aos camaradas de hobby Artur NevesPaulo Brito pela valiosa ajuda e excelente companhia - já a história foi outra e deu para tirar a barriga da miséria. Com características diferentes do LPMA e pese embora o reduzido movimento, o LPPS é um excelente local para tirar chapas com uma luz, amplitude e cenário de background fantásticos. Sem dúvida que a malta local merecia mais e melhor movimento.
Ficam então os retratos do movimento que consegui lá apanhar, entre 22 e 26 de Agosto de 2012. Mas o movimento de LPPS merece ser acompanhado e vale a pena, de vez em quando, uma vista de olhos ao Movimentos Porto Santo do Paulo Brito, Artur Neves, Paulo Ferreira e André Alves.



















3 comentários:

Paulo Brito disse...

boas fotos , a do sata nocturna ate ficou boa eheh :)

PagodaTroop disse...

Obrigadão Brito! Isto com uma ajuda de quem sabe!...;)

Rui Sousa disse...

Belas Chapas (e afinal não precisavas ter "comido" com a Travessa para fotografar o NEOS, já que ontem, vá-se lá saber porquê, veio cá...)